Trabalhadores exigem fim da precariedade e respeito pelos direitos

concentracao AdP min e95db PROTESTO JUNTO À SEDE DA ÁGUAS DE PORTUGAL

Os trabalhadores da EPAL-LVT realizam amanhã, quarta-feira, 22, pelas 11 horas, um plenário geral/concentração, junto ao edifício da Sede das Águas de Portugal.

A acção, marcada para a data em que se assinala o Dia Mundial da Água, tem como objectivo exigir a satisfação das reivindicações dos trabalhadores, que constam do caderno apresentado à administração em Dezembro passado.

Os trabalhadores exigem o fim das desigualdades existentes e do trabalho precário, garantindo a cada posto de trabalho permanente, um contrato de trabalho efectivo.

Exigem igualmente distribuição de cinco por cento dos lucros gerados pela EPAL a todos os trabalhadores, num montante igual, independentemente da sua categoria profissional, tal como prevêem os Estatuto da empresa.

A acção é promovida Comissão Intersindical da EPAL que o STAL integra.