Manifestação Nacional da Administração Local dia 9 de Maio

EXIGIR E LUTAR! 35 HORAS PARA TODOS, MAIS SALÁRIOS, CONTRATAÇÃO E DIREITOS

cartaz manifestação 9 maioOs trabalhadores da Administração Local manifestam-se contra o bloqueio da contratação, contra as políticas de redução de salários e pensões, contra o desmantelamento e privatização dos serviços públicos e sectores estratégicos, contra as políticas de empobrecimento e destruição da economia.

Lutamos:

  • Pela consagração do horário de trabalho das sete horas diárias e 35 horas, sem banco de horas e adaptabilidade;
  • Pela actualização salarial em 2014, no mínimo de 40 euros em toda a tabela salarial, pelo aumento do Salário Mínimo Nacional;
  • Pela contratação colectiva, carreiras profissionais, valorização das horas extraordinárias;
  • Pelo direito a reformas dignas, de acordo com a carreira contributiva exercida ao longo de uma vida de trabalho.

Ler mais...

Privatizar a EGF é roubar

privatizaréroubarTrabalhadores das várias empresas do grupo EGF, protestaram hoje na Assembleia da República contra a privatização do sector dos resíduos. Nas galerias marcaram presença também vários autarcas, designadamente da Área Metropolitana de Lisboa e Região de Setúbal.

Neste dia esteve em debate um projecto-lei do Partido Ecologista «Os Verdes», que visava impedir o prosseguimento da privatização da Empresa Geral de Fomento (EGF).

Estiveram igualmente em debate duas apreciações parlamentares do PCP e PS, exigindo a manutenção deste sector na esfera pública.

Ler mais...

Trabalhadores da AMARSUL em greve contra a privatização dos resíduos/EGF

AMARSULOs serviços de valorização e tratamento dos resíduos da AMARSUL estão parados.

Os trabalhadores da AMARSUL lutam e aderem massivamente à greve estando encerrados os serviços em Palmela, Setúbal e Seixal. Apesar das pressões, dos serviços mínimos e da forte presença policial, não entrou nem saiu nenhuma viatura da recolha do lixo.

A greve prossegue no próximo dia 2 de Maio.

Pelos direitos, contra a privatização

AMARSUL PARALISA DIAS 30 DE ABRIL E 2 DE MAIO

Os trabalhadores da AMARSUL, Sistema Multimunicipal de Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos da Margem Sul do Tejo, vão estar em greve nos dias 30 de Abril e 2 de Maio, em defesa dos postos de trabalho e contra a privatização da EGF (Empresa Geral do Fomento).

 

Ler mais...

Autarquias de Coruche assinam acordos para manter as 35 horas

A Câmara Municipal de Coruche e as Juntas de Freguesia do Biscainho, da Branca, do Couço de São José da Lamarosa e Santana do Mato, assinaram no passado dia 21 de Abril, acordos colectivos de entidade empregadora (ACEEP), que mantém as 35 horas de trabalho semanal e 7 diárias.

 

Empresas municipais de Sintra extintas por decisão do Executivo Camarário

TRABALHADORES CONTINUAM A LUTA

No seguimento da luta efectuada pelos trabalhadores das Empresas Municipais declaradas extintas pelo Executivo Camarário de Sintra, vão amanhã, dia 22 de Abril, às 9 horas, os trabalhadores da Câmara Municipal, Serviços Municipalizados, EDUCA, HPEM e SINTRAQUORUM, reunir-se em Plenário Geral em frente ao Palácio da Vila, com posterior desfile para os Paços do Concelho.

Nesta acção estará presente o Secretário-Geral da CGTP – Arménio Carlos e o Presidente do STAL – Francisco Braz.

Câmara de Santarém assina acordo coletivo com o STAL para as 35 horas semanais de trabalho

Assinatura-Acordo-Coletivo-Trabalho-35-horas-17-04-2014-40 min O STAL assinou no dia 17 de abril, o acordo coletivo de entidade empregadora pública para as 35 horas de trabalho semanal, com o Município de Santarém.

Este acordo dignifica todas as partes envolvidas: STAL, Município de Santarém e trabalhadores, para além de ter uma importância acrescida, uma vez que Santarém é capital de Distrito e uma terra com grande significado na nossa história recente, tendo em conta a importância que teve, em termos militares, na Revolução de Abril, a par de nesta data, decorrerem as comemorações dos 40 anos do 25 de Abril.

STAL marca manifestação para 9 de Maio

INTENSIFICAR A LUTA PARA DERROTAR O GOVERNO

9Maio-ManifestacaoadmLocal

A Direcção Nacional do STAL, reunida hoje, 16, decidiu marcar para o próximo dia 9 de Maio uma manifestação nacional, em Lisboa, contra o bloqueio da contratação e o prosseguimento das políticas anti-sociais, que visam provocar mais despedimentos e acentuar a perda de poder de compra dos trabalhadores e aposentados.

Ler mais...

Stal Assina ACEEP com Câmara Municipal do Cadaval.

8 CadavalApós uma longa negociação, o STAL assinou no passado dia 14 de Abril o ACEEP com a Câmara Municipal do Cadaval.
 
Com este acto os trabalhadores deste Municipio vêm resposto um horário de trabalho que vinham praticando há já vários anos.

Ler mais...

Pela publicação dos acordos de 35 horas semanais

CONCENTRAÇÕES NO TERREIRO DO PAÇO DIAS 14 E 15 DE ABRIL

IMG 00000052 net Dirigentes, delegados e activistas sindicais do STAL das regiões de Braga, Porto e Viana do Castelo, estiveram hoje concentrados frente ao Ministério das Finanças e da Administração Local, para exigir a publicação imediata dos acordos de entidade empregadora (ACEEP), que consagram o horário das 35 horas nas autarquias.

Ler mais...

STAL saúda e apoia a marcha do MURPI

APOSENTADOS DAS AUTARQUIAS PRESENTES NA MANIFESTAÇÃO DE SÁBADO

selo Marcha MURPIO STAL saúda a Marcha de Indignação e Protesto «Por Abril, contra os cortes nas pensões» convocada pelo MURPI para amanhã, sábado, 12, e apela aos aposentados das autarquias a participarem neste protesto de massas.

Ler mais...