O teu voto é determinante!

VotoDeterminante ce7ad USA-O PARA VALORIZAR O TEU TRABALHO E MELHORAR OS SERVIÇOS PÚBLICOS!

O governo do Partido Socialista apresentou e insistiu numa proposta de Orçamento do Estado que, entre outras opções negativas, deixava os trabalhadores da Administração Pública sem valorização salarial pelo 13º ano consecutivo, com carreiras estagnadas ou inexistentes, mantinha o rumo da precariedade na Administração Pública e insistia na degradação dos Serviços Públicos. Chumbada a proposta, por opção do Presidente da República, seremos chamados a eleger uma nova Assembleia da República, o que levará à formação de um novo governo.

Ver comunicado

Está nas nossas mãos contribuir para que existam condições que respondam às reivindicações dos trabalhadores, à necessidade de melhoria dos Serviços Públicos e ao reforço das Funções Sociais do Estado!

O passado recente mostrou que é possível outro rumo, diferente da austeridade que, de forma destacada, PSD e CDS-PP puseram em prática e que continuam a subscrever. Também mostrou que é possível e necessário, até para o desenvolvimento sócioeconómico do país, ir mais longe na melhoria das condições de vida e de trabalho de toda a população, designadamente, na Administração Pública!

Para que alguns avanços se registassem, foi essencial que o governo do PS não dispusesse de uma maioria absoluta. As governações com maioria absoluta, independentemente dos partidos que as compunham, sempre estiveram associadas “reformas” e “reestruturações” que não foram mais do que redução ou privatização de serviços, redução de pessoal, despedimentos, o fim do vínculo por nomeação, a degradação e destruição das carreiras, a desvalorização dos salários… muitos são os exemplos do foram capazes quando têm maiorias absolutas.

Não foi por falta de oportunidade que o actual governo, do PS, não deu resposta a problemas que existem há demasiado tempo: foi por opção! Também no Parlamento, aliando-se à direita (PSD, CDS-PP, IL e CHEGA), o PS chumbou
propostas que visavam melhorar os salários, as condições de trabalho e o reforço dos Serviços Públicos e das Funções Sociais do Estado.

As populações e os trabalhadores merecem mais e melhor Administração Pública, mais e melhores Serviços Públicos! Para isso, será determinante que, no próximo dia 30 de janeiro os mais de 700.000 trabalhadores da Administração Pública transformem o voto num instrumento da sua luta, garantindo que se criam condições políticas para uma resposta efetiva aos problemas que há muito denunciamos e que precisam de uma solução!

O voto dos trabalhadores da Administração Pública ajudará a determinar a composição da Assembleia da República e, consequentemente, a solução governativa que venha a concretizar-se. Importa, por isso, que cada um dos nossos votos contribua para a alteração de políticas, exigindo-se o aumento geral dos salários, a valorização das carreiras, o fim da precariedade, a revogação do SIADAP, o aumento das pensões, uma ADSE pública e solidária, mais e melhores
Serviços Públicos!

O TEU VOTO DEVE CONTAR PARA FAZER A DIFERENÇA.
TEMOS PROPOSTAS, EXIGIMOS SOLUÇÕES!
LEVAMOS A LUTA ATÉ AO VOTO!