Lutar pela igualdade e contra a exploração

190308 STAL PostalDiaInternacionalMulher a6459 DIA INTERNACIONAL DA MULHER TRABALHADORA

O STAL saúda as suas associadas e todas as mulheres que laboram no universo dos serviços da Administração Local e Regional pela passagem do Dia Internacional da Mulher, comemorado hoje, 8 de Março, em todo o mundo.

A igualdade entre mulheres e homens, como justamente assinala a CGTP-IN, é um dos objectivos centrais e prioritários de acção do movimento sindical unitário, que promove a participação e representação das trabalhadoras, dinamiza a sua intervenção, organização, reivindicações e lutas contra as desigualdades e discriminações, contribuindo assim também para dignificar as condições laborais de todos os trabalhadores.

Apesar dos avanços registados no nosso país no plano legislativo, o certo é que as desigualdades de oportunidades e de tratamento entre mulheres e homens, seja no acesso ao emprego, no local de trabalho ou na sociedade, estão longe de ser erradicadas.

No actual quadro político, apesar das reposições de direitos e dos avanços alcançados, para os quais a luta dos trabalhadores foi decisiva, permanecem muitos problemas por resolver e muitos direitos por cumprir, o que exige uma intervenção sindical permanente a todos os níveis – no trabalho, na rua, junto das instituições.

O STAL considera que a efectivação da igualdade entre mulheres e homens é indissociável da luta mais geral pelos direitos, liberdades e garantias de todos os trabalhadores.

A discriminação das mulheres trabalhadoras é agravada pela ofensiva que visa o nivelamento por baixo das relações de trabalho e o aumento exploração dos homens e das mulheres.

Por isso, combate às desigualdades é uma luta de todos, no quadro do confronto diário entre o trabalho e o capital.

Celebrar o dia 8 de Março é também recordar e homenagear as mulheres trabalhadoras que, em luta pelo reconhecimento dos seus direitos, ousaram enfrentar a feroz repressão do grande capital, cioso dos seus privilégios de classe.

São os seus exemplos de coragem e determinação que nos devem mobilizar e, sem hesitação, fazer abraçar os grandes objectivos de luta definidos pelo nosso sindicato – o STAL:

  • A luta pelo reconhecimento das profissões e reposição das carreiras na Administração Local;
  • A luta por melhores salários, tendo em conta que não são actualizados na Administração Local desde 2009;
  • A luta contra a precariedade dos vínculos laborais;
  • A luta pela plena igualdade de género, quer em termos salariais, quer no acesso às carreiras profissionais;
  • A luta por uma política ao serviço dos trabalhadores e do País.

As comemorações do dia 8 de Março são, por direito próprio, uma homenagem singela a todas as mulheres trabalhadores, como força social imparável, capaz de defender os seus direitos e interesses e que, conjuntamente com os demais trabalhadores, mais tarde ou mais cedo, acabarão por vencer a luta histórica contra a exploração capitalista.

STAL-Informa

Subscreva aqui a Newsletter e receba regularmente informação do STAL.

Partilhe connosco as suas preocupações