Frente Comum saúda trabalhadores da Administração Pública em luta

200204 COM SaudacaoManif1 web 31666 A Frente Comum dos Sindicatos da Administração Pública saúda todos os trabalhadores que, no passado dia 31 de Janeiro, demonstraram a sua convicta vontade em verem os seus salários dignamente aumentados e as suas condições de trabalho melhoradas, com a adesão massiva à Greve e com a forte participação na Manifestação Nacional.

Ver fotos

Ver resolução

Ver comunicado

Foram centenas e centenas os locais de trabalho da Administração Central, Regional e Local que estiveram de portas fechadas, na passada sexta-feira, devido à adesão à greve nacional convocada pela Frente Comum.

A expressão inequívoca de indignação e protesto que esta acção de luta dos trabalhadores da Administração Pública teve, deve merecer da parte do Governo a necessária reflexão sobre a vergonhosa e indigna proposta de aumentos salariais apresentada à Frente Comum que está longe, mesmo muito longe, de dar resposta a 10 anos sem aumentos salariais e à degradação do poder de compra dos trabalhadores.

Assim, perante este claro sinal de indignação dos trabalhadores da Administração Pública, é obrigação do Governo apresentar à Frente Comum, uma proposta de aumentos salariais que constitua uma real base para a negociação com os Sindicatos da Administração Pública.

De outro modo, a Frente Comum deixa claro que o Governo contará com mais e mais expressivas acções de luta dos trabalhadores do sector, por salários dignos, por um aumento salarial de 90 euros a partir de 1 de Janeiro e em defesa dos Serviços Públicos.