Trabalhadores da Administração Local exigem respostas

Em véspera da votação final e global do Orçamento do Estado para 2021, agendada para esta quinta-feira (dia 26), o STAL reitera aquelas que são as principais reivindicações dos trabalhadores da Administração Local e em defesa das quais tem desenvolvido uma luta intensa: o aumento dos salários - com um aumento de 90 euros para todos os trabalhadores; a valorização das carreiras; a regulamentação do suplemento de insalubridade, penosidade e risco; indemnização por acidentes de trabalho; correção da Tabela Remuneratória Única; e a reposição de direitos e revogação do SIADAP.

O Sindicato considera urgente que o Governo encontre respostas para os problemas dos trabalhadores das Autarquias e dos Serviços Públicos, porque estes são os eixos fundamentais do desenvolvimento de um País democrático e justo. E porque à boleia do vírus os trabalhadores não podem ficar ainda mais pobres.