Representantes no CGS tomam posição em defesa da ADSE e dos direitos dos beneficiários

CONSELHO GERAL E DE SUPERVISÃO DA ADSE-IP REUNE HOJE, 12 DE FEVEREIRO

As notícias e as pressões diárias do grupo Mello sobre a ADSE e os seus beneficiários, levam os representantes destes a considerar:

• A suspensão das convenções, no caso vertente do grupo Mello, como má prática contratual e desrespeito pelos utentes da ADSE, pelo que deve haver um esforço de diálogo para a resolução de conflitos com outros grupos prestadores de serviços de saúde, respeitando o que com eles está contratualizado.

• Ser fundamental, por parte da ADSE, tornar robusta a política de diversificação das convenções, tendo em vista o todo nacional e os interesses dos beneficiários, contribuindo desta forma, para o combate à cartelização dos prestadores do serviço de saúde.