Confiança na luta

161219 PostalNatal min 4d93e

O ano que termina veio provar que a chamada política de austeridade, de ataque aos direitos laborais e de empobrecimento dos trabalhadores, afinal, não é uma inevitabilidade.

Estamos convictos de que, com a luta de todos, o ano de 2017 provará que é possível ir mais longe na dignificação de quem trabalha, na valorização dos serviços públicos, na promoção de emprego estável e com direitos.

A formação de um governo apoiado pelos partidos à esquerda no Parlamento, na sequência das eleições de 4 de Outubro de 2015, permitiu interromper e reverter, em aspectos importantes, a violenta ofensiva contra os trabalhadores, em particular, os da Administração Local.

A reposição dos quatro feriados roubados, o aumento do salário mínimo, a reposição dos cortes dos salários, a redução da sobretaxa de IRS e, não menos importante, a consagração do horário das 35 horas semanais em toda a Administração Pública são resultados relevantes da luta dos trabalhadores e do contributo decisivo que deram para a alteração da relação de forças na Assembleia da República.

Num quadro que continua a ser marcado pelo condicionamento e intoleráveis ingerências na soberania nacional por parte das instâncias comunitárias, às quais urge decididamente pôr fim, os trabalhadores da Administração Local, organizados em torno o seu Sindicato – o STAL, prosseguirão o seu combate em defesa das carreiras, pelo aumento dos salários e pelo fim da precariedade.

Com os trabalhadores e populações, continuaremos a luta pelo controlo público de serviços essenciais (como a água, saneamento e resíduos), por uma verdadeira descentralização administrativa e pelo reforço do poder local democrático, no espírito dos valores de Abril inscritos na Constituição da República.

Com confiança e determinação, os trabalhadores da Administração Local e o seu Sindicato bater-se-ão pela concretização de políticas sociais e económicas que favoreçam o crescimento e o bem-estar e abram caminho à construção de «um país livre, mais justo e mais fraterno».

Votos sinceros de um Bom Ano de 2017