22 de Setembro, o Brasil vai parar

foratemer thumb 25b2fFORA TEMER, NENHUM DIREITO A MENOS!

Amanhã, 22 de Setembro de 2016, a unidade dos trabalhadores, através do acordo realizado entre as 6 centrais sindicais brasileiras, vai parar o país.

O Brasil vai parar lutando contra o golpe político que colocou Michel Temer na presidência. Vai continuar a luta pela defesa dos serviços públicos, dos direitos laborais e sociais, muitos deles alcançados durante os governos de Lula e Dilma.

De Portugal, enviamos o nosso caloroso abraço fraterno e solidário e a certeza de que continuamos ao vosso lado.

Pelo regresso do Estado democrático, contra o retrocesso e perda de direitos.

Trabalhadores do município de Braga exigem 35 horas para todos

braga stal5 thumb 67c21 PLENÁRIO REUNIU EM FRENTE À CÂMARA MUNICIPAL

Os trabalhadores da Câmara e Empresas Municipais de Braga realizaram ontem, 19 de Setembro, um plenário em frente à Câmara Municipal, onde exigiram o direito às 35 horas para todos os trabalhadores do município.

Na resolução aprovada no plenário, os trabalhadores «condenam veementemente a atitude de manifesto desprezo por quem trabalha, por parte do presidente da Câmara Municipal de Braga, Ricardo Rio, que continua a negar o direito às 35 horas a centenas de trabalhadores do universo municipal».

Ler mais...

Faleceu Paulo Trindade

Paulotrindade 033a5

Sindicalista ligado há vários anos às lutas gerais da administração pública, tendo integrado a Frente Comum dos Sindicatos da Administração Pública. Tinha 63 anos.

O corpo está em Câmara ardente na igreja de Alcântara de onde sairá no Domingo, pelas 15h, para o cemitério dos Olivais onde será cremado às 16h. À família e a todos os companheiros de luta o STAL apresenta as suas sentidas condolências.

CGTP aprova política reivindicativa para 2017

DESENVOLVER O PAÍS, DEFENDER, REPOR, CONQUISTAR DIREITOS!

O Conselho Nacional da CGTP-IN, reunido ontem, dia 7 de Setembro, aprovou a política reivindicativa para 2017.

Ler mais...

Precariedade - uma chaga a combater

160715 Cartaz CampanhaPrecariedade thumb b8d6d É URGENTE POR FIM AO TRABALHO PRECÁRIO

Autarquias e empresas locais, ora por limitações financeiras, ora por conivência com a política de direita, usam a precariedade como forma de ter à disposição a mão-de-obra fácil e barata, contribuindo assim para a degradação dos vínculos e relações de trabalho.

Ler mais...

STAL manifesta solidariedade com os trabalhadores e o Povo Brasileiro

2 ProtestoForaTemerFA1603 c401bCom a destituição da Presidente do Brasil Dilma Rousseff, o Senado Brasileiro culmina um processo que representa um golpe de estado institucional. O Senado afastou alguém que não cometeu qualquer crime que o justificasse. O Senado compactuou com uma enorme operação do grande capital brasileiro para rasgar o processo de mudanças sociais iniciado com a Presidencia de Lula da Silva em 2003, tirando partido dos problemas económicos provocados pela crise geral do capitalismo. Um processo que é também uma desforra politica da derrota imposta ao candidato da direita nas eleições presidenciais de outubro de 2014.

Ler mais...

STAL comemora 41 anos de vida e luta

160726 CartazAniversario Min DESCONGELAR SALÁRIOS E CARREIRAS, PÔR FIM À PRECARIEDADE

No dia do seu 41.º aniversário, o STAL exorta os trabalhadores da Administração Local a prosseguirem a luta pela recuperação de rendimentos, pelo emprego com direitos, pelo reforço dos serviços públicos e do poder local democrático.

Fundado em 24 de Agosto de 1975, data em que se realizou no Porto a sua Assembleia Constituinte, o STAL foi a primeira estrutura sindical a constituir-se na Administração Pública após a Revolução de Abril.

Ler mais...

AdmLocalAcordos2 ac59b

PUBLICADOS

AGUARDAM PUBLICAÇÃO

Selo35H novo


Jornal

PilhaLivrosnet 773a6

Propaganda

STAL-Informa

Subscreva e receba regularmente informação do STAL.

Cartaz Campanha Contra a Precariedade

Cartaz Campanha Sindicalizacao

131118 campanhacontraprivatizaoresduos

campanha agua