Concentração no Porto pelas 35 horas

ACORDO ASSINADO DEVE SER PUBLICADO!

Os trabalhadores presentes na concentração convocada pelo STAL, exigem o cumprimento do acordo assinado com a CM do Porto.

Ler mais...

Governo chantageia autarquias para impor aumento do horário

STAL CONDENA NOVA INGERÊNCIA NO PODER LOCAL

O STAL condena a tentativa do Governo de proibir as autarquias, que reduziram o horário de trabalho para as 35 horas, de procederem à contratação de pessoal, tal como previsto na Lei do Orçamento do Estado para 2015.

Ler mais...

Trabalhadores da Câmara da Chamusca lutam pela assinatura do ACEP - 35 horas

Os trabalhadores da Câmara Municipal da Chamusca e os seus representantes sindicais deslocam-se, hoje, pelas 17 horas, até à Sessão de Câmara para exigir ao executivo municipal a implementação das 35 horas de trabalho semanais. No próximo dia 13 de Março, os trabalhadores da Administração Local e de toda a Administração Pública paralisam, em luta pelos salários, 35 horas de trabalho e direitos, exigindo o fim das políticas de destruição dos serviços públicos, do empobrecimento geral da população e do assalto à Administração Local.

 

Pobreza e desigualdades agravam-se em Portugal

ps c2a4aCGTP-IN ANALISA DADOS DO INE

A Intersindical Nacional responsabiliza a política do Governo PSD-CDS/PP pelo agravamento da pobreza e desigualdades em Portugal, condenando a tentativa do primeiro-ministro de desvalorizar dados do INE, com o falso argumento de que a realidade do País, hoje, já não corresponderia à do período estudado.

Ler mais...

Subcategorias