Milhares na rua contra a exploração e o empobrecimento

ROMPER COM A POLÍTICA DE DIREITA

{avatargalleria src=picasa search=useralbum string=$118015613481792339204/7MarcoDe2015ManifestacaoDescentralizadaCGTPINLisboa$ responsive width=100% imgcrop=false cr=false swipe=true jquery=latest fullscreen=false info=true showcounter=false height=350px count=100 quality=original theme=september/}Em todo o país muitos foram os milhares de trabalhadores que participaram nas manifestações descentralizadas promovidas pela CGTP-IN.

Lutar pela igualdade de géneros,combater as políticas anti-sociais

2015bannerDiaMulher  DIA INTERNACIONAL DA MULHER

A luta contra as desigualdades entre mulheres e homens é uma luta pelo progresso social e civilizacional, inseparável da luta geral dos trabalhadores contra a exploração, o aumento do horário de trabalho, o desemprego, em defesa dos direitos laborais e sociais.

Com o 25 de Abril, os trabalhadores, homens e mulheres, conquistaram direitos fundamentais que estão hoje postos em causa.

Ler mais...

Horário de trabalho de 35 horas garantido por acordos

Seia 024fdASSINATURA DE ACEP CONTINUA

A luta pela manutenção das 35 horas continua a par da assinatura de novos acordos com autarquias.

Na segunda-feira, a Direcção Regional da Guarda do STAL assinou  Acordo Colectivo de Empregador Público (ACEP) com a Câmara Municipal de Seia, que estabelece o horário de trabalho de 35 horas semanais para os trabalhadores da autarquia.

IMG UFANTAGUEDIM min 6fed7Hoje, dia 5, a Direcção Regional de Aveiro do STAL estabelece um ACEP que visa no essencial a regulamentação dos aspectos relativos à duração do tempo de trabalho, salvaguardando 35 horas para todos os trabalhadores da união de freguesias.

Autoridade da Concorrência quer «investigação aprofundada» sobre EGF

PRIVATIZAÇÃO DEVE SER ANULADA

Na sequência das «sérias dúvidas» levantadas pela Autoridade da Concorrência sobre o processo da EGF, o STAL reitera a sua posição de exigir a anulação da privatização desta empresa pública, com importância estratégica para o País.

Numa carta aberta aos eleitos autárquicos, o STAL regista com satisfação a iniciativa da Autoridade da Concorrência (AdC) de levar a cabo uma «investigação aprofundada» sobre o polémico processo de privatização da Empresa Geral do Fomento, realizado à revelia da vontade expressa dos municípios.

Ler mais...

Intensificar a luta pelo horário, direitos e salários

STAL ENCERRA CICLO DE ENCONTROS DESCENTRALIZADOS

Com a sessão realizada na sexta-feira, 27, no salão da Associação de Comerciantes de Lisboa, o STAL encerrou um ciclo de encontros descentralizados de activistas, iniciado dia 11 no Porto.

O encontro em Lisboa juntou activistas do STAL da região da capital, Península de Setúbal e Santarém, e terminou com um desfile para a residência oficial do primeiro-ministro.

Ler mais...

Subcategorias