Trabalhadores da empresa GEBALIS conquistam as 35 horas semanais

IMG 20170309 144510 min 15f37 ACORDO ASSINADO PELO STAL E STML ENTRA EM VIGOR A 1 DE ABRIL

O STAL e o STML assinaram, no dia 9 de Março, um acordo com Administração da empresa Gebalis, que garante a partir de 1 de Abril, as 35 horas de trabalho semanais para todos os trabalhadores.

Este acordo da passagem para as 35 horas, decorre das negociações do Acordo de Empresa entre os dois Sindicatos e a Administração, em que, estando todo o clausulado relativo a horários de trabalho já fechado, optaram por avançar no imediato para a implementação das 35 horas, sem qualquer tipo de cedências como bancos de horas ou adaptabilidade de horários. 

As estruturas sindicais consideram que este é indiscutivelmente um «grande avanço nos direitos dos trabalhadores, que vêm finalmente o seu horário de trabalho igualado ao da Administração Pública e da Câmara Municipal de Lisboa em particular.»

Negociações prosseguem

Os sindicatos adiantam que a maior parte do clausulado da proposta de Acordo de Empresa já se encontra terminado. Contudo, continuam ainda em negociação, a tabela salarial, as formas de progressão e as respetivas normas de transição.

O STAL e o STML recordam que as progressões salariais continuam congeladas pela Lei do OE2017, limitação que no imediato impossibilita a merecida valorização salarial dos trabalhadores. Situação que pode ser invertida no futuro, através do direito à Contratação Coletiva que consubstancia a celebração do AE.

Os sindicatos reafirmam que não será assinado o Acordo de Empresa, sem a apresentação e discussão prévia aos trabalhadores, a quem cabe a última palavra sobre este importante instrumento de contratação colectiva.